Na busca com o Pegada e um Rock de Jesus

texto e fotos : Vital Lordelo

Estive na última semana (de 8 a 17 de abril) em Belo Horizonte.

Fui assinar minha primeira série de serigrafias na Mini Galeria, a que me representa na cidade,   e aproveitei a oportunidade para ativar uma aproximação com o Pegada.
Fui convidado para participar da reunião aberta do Transborda (festival do coletivo),
mas por ser na segunda feira, 11 , meu aniversário, corri a noite de bar em bar e não participei
dessa reunião.
Dois dias depois, nos reunimos e eu cheguei já pegando as articulações da Comunicação. Flávio Chachar , Fabiola e Luiz me receberam como bons mineiros, daquela forma que você se sente da família.
O Núcleo estava em plena produção de material de divulgação, eles produzem com silk
seus proprios cartazes e correm a cidade na madrugada fazendo a divulgação. Fazem uso dos postes da Savassi, que é parecida com a nossa Cidade Baixa.
Eles relataram que colam os cartazes com fita durex para evitar problemas com a prefeitura,
que chegou a multar casas noturnas que pregavam seus cartazes com grude. O mais bacana é que devido às artes serem sempre muito bem pensadas, começou uma cultura de roubar os cartazes do coletivo, mas que estar na rua e estar na casado seu público!
Bom depois dessa conversa e aproximação, viabilizamos – eu enquanto Veneta- uma aproximação entre o Pegada e a Mini Galeria. Efetivando, assim,  um contato a mais dentro do próprio estado para futuras parcerias no poéticas do FDE.

Sábado, dia 16, cai no evento do Pegada (para o qual eles haviam produzido os cartazes)  no Nelson Bordello http://nelsonbordello.com.br/historias-de-nelson/ . É uma casa sensacional (antes de ser o bar, o espaço era alugado por uma igreja e no palco ficou preservando o famoso  “JESUS TE AMA, Nós também”.  O local é incrível! Deviam ter umas 300 pessoas no total, na rua e na casa. Depois de carimbado, vira uma diversão, você tem livre acesso, pode entrar e sair do lugar quantas vezes quiser (a área de fumantes é fora do bar)
O show de bandas como A Fase Rosa e Utopia, ambas fortes representantes do circuito alternativo mineiro, foram fodas. Eu recomendo.
Conversei também com Luciano e Lucas Montimer a respeito de efetivar parcerias entre o PoA – BH .
Nessa fase nova, o Veneta se apresenta como atendimento e articulador , apresentando possibilidades e planos para efetivar rotas e parcerias. Novamente, o Veneta estabelece sua frente de comunicação e liga os pontos, buscando encurtar pontos que até dentro do CFE parecem distantes.

Como bom brasiliense de nascença , baiano de sangue e gaúcho por posição geográfica, aprendi uma coisa com a mineirada:
– Vamos pelas Bordas que Transborda !

Os registros foram feitos em Lomo, efetivando uma visão mais plástica! Afinal, a nossa comunicação e arte tem que se mesclar até nos relatos. rsrsrs

Tópicos rápidos tratados com o Pegada: artes visuais, tecs de design, comunicação, articulação e efetiva troca entre os estados e música.

Anúncios
Publicado em Ctrl+VENETA, Principal, Tecnologia | Deixe um comentário

GRITO ROCK 2011 PORTO ALEGRE

O Grito Rock chega a mais uma edição com o impressionante número de 132 cidades realizadoras no ano de 2011, apresentando um crescimento de 65% em relação ao ano anterior e consolidando-se como o maior evento integrado do planeta. O festival conquista as fronteiras da América Latina e acontece em 10 países: Brasil, Argentina, Uruguai, Bolívia, Chile, Panamá, Costa Rica, Honduras e El Salvador.

Em Porto Alegre é dia 12/03 a partir das 14H na Usina Do Gasômetro
Arte + bandas e Barraquinha com o material das bandas.

Tocam no Grito Porto Alegre:

Bandas:

Calibre (Porto Alegre – RS)

Velho Junk (Florianópolis – SC)

Big Zen Voodoo (Porto Alegre – RS)

Alcaphones (Porto Alegre – RS)

Devisionsex (Novo Hamburgo – RS)

Feizer (Porto Alegre – RS)

…………………………………………………………………………………………………………………………………

Histórico

Fomento e profissionalização da cena independente da música foram as forças motrizes que fizeram nascer em Cuiabá a primeira edição doGrito Rock, em 2003, quando o Espaço Cubo escolheu o período de carnaval para a realização de um festival de baixo orçamento e com possibilidade de auto-gestão.

A primeira edição foi pequena. Em um dia de shows, seis bandas locais evidenciaram a proposta de fomento ao som autoral em contraponto ao predominante contexto do “cover” à época. Desde então, o festival cresceu. Em 2004 ocorreu um intercâmbio em nível regional. Bandas de Campo Grande foram escaladas para o set list do festival.

Em 2005, o delineamento programático evidenciou-se ainda mais com a intensificação do intercâmbio e interiorização das ações. Na programação, seis bandas por dia, somando ao todo 24, sendo três de Mato Grosso do Sul e duas de municípios mato-grossenses como, entre eles Sorriso e Sinop.

Em 2006 veio a consolidação. O surgimento da Associação Brasileira de Festivais (ABRAFIN) e, em especial, do Circuito Fora do Eixo,promoveu um boom no que tange a articulação de produtores, refletindo-se na programação apresentada. Foram escaladas bandas do norte, nordeste, sudeste, além de várias outras do centro-oeste do país. Ao todo, dez estados representados por vinte e oito bandas. Além da programação, um marco histórico para o circuito aconteceu nesse momento, quando a primeira reunião de produtores Fora do Eixo pontuaria as três premissas básicas de trabalho do CFE: a circulação de bandas, produtores e jornalistas, a distribuição de produtos culturais e o estímulo à produção de conteúdo através da comunicação.

Em 2007 e 2008 o projeto ganha nova faceta, e é adotado como um dos projetos do Circuito Fora do Eixo. Na ocasião, mais cidades entram na rede de ações e o projeto passa a ser realizado em dezenas de cidades no período do carnaval. No primeiro ano foram mais de 20 cidades integradas a rede do projeto; em 2008 o número saltou para 50. Em 2009 o Grito Rock cresceu ainda mais, atingindo a marca de mais de 80 cidades integradas a rede.

…………………………………………………………………………………………………………………………………

Serviço

Grito Rock Porto Alegre 2011

Quando: 20 de março Domingo

Local: Palco Externo da Usina do Gasômetro

Horário: a partir das 14h

Entrada Franca

CONHEÇA AS BANDAS: http://gritorockpoa.blogspot.com/

EXTREMO ROCK SUL | VENETA | SOMA | FDE

 

Publicado em arte, Ctrl+VENETA, musica | Deixe um comentário

PASSE LIVRE !

O Veraneio continua. A ação criada pelo coletivo Veneta, agora com um novo conceito e o nome “Passe Livre”, convida a todos para duas atividades seguidas: nos dias 16 e 17 de fevereiro num local aconchegante da Cidade Baixa. Pestiscos preparados pelo chef/ dj Kolo Loko (BH/MG) e bebidas a preços módicos! Aos que não vivem desconetados, temos wi fi liberada! Traga papel e caneta, um livro, um amigo e se ajeite em nossa sede… estaremos lá a partir das 17h! Travessa Venezianos, 44.

siga o @coletivoveneta

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Veraneio Passe Livre

Este sábado (12) será um dia de Passe Livre na Travessa! Venha desenhar, cantar, recitar poemas, e o que mais der na “veneta”. Bebidas e petiscos (preparados por um cheff) a preços justos.

Venha curtir conosco a segunda edição do Veraneio Veneta, a partir das 20h, na Travessa Venezianos, 44. Calor, cultura e criatividade!! Traga seu livro favorito, sua moleskine, seus lápis e coloque a mão na massa.

Publicado em arte, Principal | Deixe um comentário

Primeira ação do Núcleo de Poéticas Visuais do Circuito Fora do Eixo

O Circuito Fora do Eixo abre inscrições até 10 de fevereiro para a Exposição Virtual do Núcleo de Poéticas Visuais FDE” a ser realizada durante o festival Grito Rock 2011, que nesta edição estará presente em 130 cidades do Brasil e 9 países da América Latina.

Esta exposição, tem o intuito de consolidar uma vitrine para a produção artística contemporânea e independente brasileira, abrindo portas para diálogos em rede nacional acerca das artes visuais.

 

Fonte: http://expogritorock2011.wordpress.com/

Publicado em arte, Ctrl+VENETA, Exposição, musica, Principal | Deixe um comentário

Sarau no Veraneio Veneta

Nesta quarta, 02 de fevereiro,  abrimos a casa novamente para mais uma atividade dentro do Veraneio Veneta, um sarau aberto e com o Show do Lebra http://lebra.art.br

A atividade começa as 19Hs, Travessa Venezianos, 44. Esperamos vocês

Publicado em arte, Literatura, musica | Deixe um comentário

Veraneio Veneta, Rabiscos e cervejas

O Coletivo Veneta abriu as portas e realizou sua primeira atividade coletiva de desenho, inaugurando a ocupação Veraneio Veneta, de forma aberta e coletiva.

A ação teve início às 16h.  Apesar da chuva de verão e o calor  na cidade de Porto Alegre,  a casa criativa e aconchegante foi entrosando o público que chegava.

Confira fotos desta terça-feira abaixo, e nesta quarta, 2 de fevereiro, abriremos com um sarau participativo mais o show do cantor Lebra (http://www.myspace.com/lebravettorato). O show será no formato voz e violão com contribuição espontânea ao artista.

Laura e seu moleskine

Desenhos e conversa

No final, tudo acabou em cervejas e conversa

Publicado em arte, Principal | Deixe um comentário